CN

[adrotate group="1"]
Pesquisar

Sepultura de serial killer Lázaro Barbosa é violada

A sepultura onde estava enterrado o serial killer Lázaro Barbosa foi violada, no Cemitério de Cocalzinho de Goiás. O coveiro percebeu que o túmulo estava revirado enquanto trabalhava pelo local nesta quarta-feira (15/3).

A Polícia Civil de Goiás foi alertada sobre o crime e passou a investigar o caso. Uma perícia precisou ser acionada para identificar se alguma parte do corpo de Lázaro acabou sendo levada. Até a última atualização deste texto, não havia qualquer confirmação se restos mortais do assassino teriam sido retirados do túmulo.

Relembre o caso

Em 9 de junho, Lázaro matou quatro integrantes da família Vidal. Digitais dele foram encontradas na casa, no Incra 9, Ceilândia. Investigações preliminares apontam que Lázaro teria usado uma arma de fogo e uma faca para matar Cláudio Vidal de Oliveira, 48, Gustavo Marques Vidal, 21, e Carlos Eduardo Marques Vidal, 15, após invadir a chácara da família. O assassino ainda levou a mulher de Cláudio, Cleonice Marques de Andrade, 43.

O corpo dela foi achado no dia 12 de junho, a poucos metros da casa onde morava, por um grupo de moradores, empenhados nas buscas pela dona de casa. O laudo indica que Cleonice levou um tiro na cabeça e há indícios de violência sexual.

Após os assassinatos, Lázaro empreendeu fuga que durou quase um mês. O criminoso acabou morto com pelo menos 38 disparos, em 28 de junho, após trocar tiros com policiais em uma mata nas imediações da casa da ex-sogra, em Águas Lindas (GO).

Compartilhe

POSTS RELACIONADOS

plugins premium WordPress Pular para o conteúdo